Guarda-redes vai à área adversária, não marca mas assiste para golo nos...

Guarda-redes vai à área adversária, não marca mas assiste para golo nos segundos finais


 

Da Bélgica chega um momento quase inédito. Acontece com alguma frequência guarda-redes irem, nos últimos lances dos jogos, à área contrária tentar marcar – e algumas vezes até o conseguem, tornando-se heróis das respetivas equipas.

Neste caso, Colin Coosemans não marcou… mas quase. Com o Malines a perder por 2-1 nos descontos da visita ao terreno do Mouscron, o guarda-redes subiu à área contrária mas não conseguiu atirar à baliza. Ainda assim, não desistiu: foi buscar a bola, perdeu-a, voltou a recuperá-la e ainda assistiu um colega para o golo que evitou a derrota.

O golo foi apontado por Elias Cobbaut, um defesa de apenas 19 anos, mas foi o guardião que colheu todos os louros. Aliás, Coosemans despiu mesmo a camisola para comemorar.