​Considerados culpados de um caso grave de crueldade animal, este casal deveria...

​Considerados culpados de um caso grave de crueldade animal, este casal deveria ter recebido uma sentença ainda mais pesada!


 

Considerados culpados de um caso grave de crueldade animal, este casal deveria ter recebido uma sentença ainda mais pesada!

Um casal da Austrália Ocidental teve de pagar uma multa de 80 000$ depois de inspetores da RSPCA terem descoberto provas de crueldade animal na sua propriedade.

Melissa Sykes e Patrick Lawson possuíam 14 cães e cavalos muito mal alimentados na sua quinta, bem como carcaças de animais em decomposição ao sol, em South Trayning, a 250 km a Este de Perth.

Para além da multa, eles não poderão possuir mais nenhum animal ou se quer interagir com um.

O casal foi considerado culpado de uma série de atos de crueldade animal depois da RSPCA ter apreendido 3 cães às portas da morte, dois dos quais estavam acorrentados a uma árvore, e ter encontrado 10 cavalos que não tinham acesso a comida, mas que estavam de boa saúde.

O seu caso foi considerado tão sério que ficaram proibidos de interagir com qualquer animal durante 10 anos, bem como possuir um.


“Não podem estar a menos de três metros de um animal” disse um porta-voz da RSPCA. “Se eles estiverem num parque e nesse parque estiver um cão, eles deverão sair do parque, é muito sério. ”

Os inspetores estiveram pela primeira vez na sua propriedade em 2016, descobrindo as carcaças de cavalos, ovelhas, galinhas e emus em decomposição no terreno.

Foi-lhes dito para alimentarem melhor os seus cavalos, mas na segunda visita, o estado dos mesmos tinha piorado.

Duas éguas estavam grávidas e outros cavalos sofriam de diversas condições, como problemas nos cascos, infestações de pulgas e alguns tinham mesmo comido areia.

Infelizmente, a RSPCA não conseguiu salvar todos os animais.